Tarja Turunen: Não vejo a hora de estar no Brasil

Em entrevista exclusiva a cantora fala sobre a sua carreira solo, seu novo álbum “What Lies Beneath”, a admiração pelo escritor Paulo Coelho e os shows que fará no Brasil.

[caption id="attachment_1568" align="alignnone" width="550" caption="Tarja Turunen: Não vejo a hora de estar no Brasil"]Tarja Turunen: Não vejo a hora de estar no Brasil[/caption]

“Eu nunca pensei que poderia conquistar o mundo com minhas próprias composições e minha voz!”


Alvaro Ramos: Fale sobre seu novo CD, “What Lies Beneath”.
Tarja Turunen:
Foi um processo longo e criativo para mim. Foram dois anos inteiros para fazer as músicas e finalmente fazer a produção do álbum. É um álbum muito pessoal para mim e eu coloquei nele todo meu coração, suor e paixão. Estou muito feliz em ver que não passei por esse processo sozinha, mas sim com a ajuda de muitas pessoas que me apoiaram. Agora, quando ouço as músicas, fico feliz com o resultado. Este era o meu objetivo, e felizmente eu o alcancei.

Alvaro: Como você vê sua carreira solo até agora?
Tarja:
Estou muito grata por poder ter uma carreira na música até hoje. Tem sido uma jornada realmente emocionante! Tenho tido muita sorte, e também tenho sido abençoada, pois encontrei ótimas pessoas que me respeitam para trabalhar junto comigo.Isso não acontece todo dia e nem para todo mundo. Ter uma carreira internacional como cantora[bb], significa muito para uma garota nascida em uma vila muito pequena com 500 pessoas na ocasião. Eu nunca pensei que poderia conquistar o mundo com minhas próprias composições e minha voz!

Alvaro: Quais são os planos para sua carreira solo?
Tarja:
Ainda tenho muitos shows para fazer com a turnê do álbum “What Lies Beneath”, mas, ao mesmo tempo, já estou começando a escrever e planejar meu próximo álbum. Neste ano eu espero focar não somente nos álbuns, mas também em alguns projetos paralelos em que já venho trabalhando há algum tempo. Um é completamente clássico e o outro é algo muito diferente de tudo que fiz até agora. Estou empolgada! De qualquer forma, vou estar muito ocupada este ano, e só desejo estar suficientemente saudável para superar todos os desafios que estão por vir.

Alvaro: Quais são suas principais influências musicais?
Tarja:
Trilhas sonoras, música clássica[bb] e metal.

Alvaro: Quais são suas inspirações quando você compõe?
Tarja:
Isso realmente depende do que está acontecendo em minha vida quando estou compondo. Pode ser um acontecimento repentino, pessoas a minha volta, algo me perturbando, algo que mexeu comigo emocionalmente. Eu tenho que ter uma razão para cada música ser criada.

Alvaro: Sobre o que as letras de suas músicas normalmente falam?
Tarja:
Exatamente o que mencionei na resposta anterior. Eu sou uma sonhadora, então amo escrever sobre sonhos.

[video]CuSM4Tm9mE8[/video]

Alvaro: Joe Satriani fez uma participação no seu novo CD, na música “Falling Awake”. Fale sobre isso.
Tarja:
Eu estava procurando por um solo de guitarra para “Falling Awake” e comentei com meu baixista[bb] Doug Wimbish, que me disse para entrar em contato com Joe. Doug o conhece pessoalmente, e eu achei que ele não tocaria para mim, mas quando finalmente o conheci nos Estados Unidos enquanto a produção do álbum estava em andamento, mostrei a música para ele, e ele amou! Ele gravou o solo alguns dias depois. Estou tão feliz!

Alvaro: Algumas de suas letras foram inspiradas no trabalho de Paulo Coelho. Conte sobre isso.
Tarja:
Paulo é meu herói. Eu li todos os seus livros em inglês e no momento estou lendo-os em finlandês. Eu amo a maneira como ele escreve sobre sonhos, sobre nossos problemas e sobre nós. Algumas músicas são muito influenciadas pelo trabalho de Paulo. Por exemplo: “Falling Awake”, The Reign (do meu álbum anterior, “My Winter Storm”) e “Die Alive” (também do meu álbum anterior).

Alvaro: Quais suas expectativas para a tour que fará no Brasil?
Tarja:
NÃO VEJO A HORA!!!!!!!!!!!! Minha última visita ao Brasil foi há muito tempo atrás e foi maravilhoso sentir a recepção calorosa do público no Rio e em São Paulo. Então estou muito, muito feliz em voltar. Espero que mais uma vez tudo seja ótimo quando eu estiver aí com VOCÊS. Obrigada pelo apoio.

Alvaro: Como está sendo a aceitação de seu trabalho solo aqui no Brasil?
Tarja:
Está sendo INCRÍVEL! A única coisa que não me deixou muito feliz foi a gravadora, que não divulgou muito o meu primeiro álbum. Muitos fãs me disseram que não conseguiram encontrar meus álbuns[bb] nas lojas, então fiquei realmente triste. Parece que agora eles despertaram um pouco mais (para isso). De qualquer forma, os fãs daí são incríveis.

Alvaro: Você gostaria de deixar uma mensagem aos seus fãs brasileiros?
Tarja:
A única coisa que eu quero que vocês saibam é que eu me sinto abençoada pelo fato de poder cantar para vocês mais uma vez. É realmente incrível sentir seu amor e paixão pela música. Muito em breve, nós vamos curtir juntos e espero que seja divertido não só para mim, mas também para vocês! Continuem sendo como são!!!!! Vejo vocês muito em breve.
Share on Google Plus

About Fábio Pitombeira

Trabalha desde 2002 com produção de shows em Teresina. Teve a oportunidade de trabalhar com grandes nomes do Heavy Metal e Rock and Roll como Paul Di Anno, Ira!, Hangar, Angra, Shaman, Andralls, Drowned, Clamus, Dark Season, Megahertz, Anno Zero, Empty Grace, Morbydia, Káfila, entre outros.

0 comentários :

Postar um comentário